Minha foto
+55 11 981058611 - lucaspupo@gmail.com : Fotografia e Cinematografia Subaquatica; Projetos Underwater e Equipamentos.

terça-feira, 13 de maio de 2014

Clica Filmando




Em recente trabalho, surgiu a oportunidade de testar um recurso que pouco havia explorado e devo dizer que ainda há muito o que ser. Por mais que uma técnica ou recurso ajude em determinado momento, seu uso incrementa outras perguntas e novos desafios de conhecimento surgem. Parece que nunca acaba, e não vai mesmo. Para obter o momento correto poderíamos ter usado uma camera fotografica com motordrive, e foi isso que fizemos, usamos uma Red Epic a 120 frames. Filmamos e extraimos o frame. Motivos; a camera fotografica still mais rápida me daria 14 fotos por segundo mas meu flash não teria mesma rapidez de recarga. Bem, optei por 120 fotos num segundo. O material foi usado num livro sobre ortopedia e contusões em esportes aquáticos. A cópia final não era grande em tamanho e resolução, então funcionou perfeitamente. O foto extraída em arquivo Tiff teve bom tratamento no Photoshop após a saída bruta do RedCine. Shutter alto, angulo baixo ajudam a deixar a foto sharp, sem rastro, alta velocidade de obturador. Obviamente isso predispõem ganho de luminosidade ou em ISO, ou em diafragma. A luz foi de Deus, e fez um dia de Sol com névoa. Com os parceiros Marco Lomiler e Raphael Varandas, estamos aprimorando esse recurso e opção técnica. Marcão já notou diferença de exposição entre frame exposto e frame capturado. Raphael já propos a captura em Red HDR para utilizar o segundo frame exposto... E eu, já sei que nada substitui um vidro (lente) impecável! Mais estudos virão nesse departamento!