Minha foto
+55 11 981058611 - lucaspupo@gmail.com : Fotografia e Cinematografia Subaquatica; Projetos Underwater e Equipamentos.

segunda-feira, 23 de abril de 2012

SUCURI - NG


Era a primeira vez que havia sido chamado para trabalhar com Lawrence Wahba.  
Primeira vez para a National Geographic.  
Era a primeira vez dele, após muitos anos de procura atrás deste tipo animal. 
Foi nossa primeira busca e primeira descida na água juntos.
 Foi a primeira vez que ligamos as câmeras juntos.
Um começo assim cria uma certa cumplicidade!

Olhar um bicho desse, com 8 metros de comprimento, na margem do rio e decidir entrar na água pode parecer amedrontador e é até certo ponto. Mas confesso que a adrenalina e a desafio inerente a essa decisão que pra muitos pode parecer loucura, nada mais é do que um privilégio! 
O elo Homem-Natureza que perdemos neste mundo dito civilizado.
Magia pura de estar ali, na natureza, de frente a um ser magnífico, constante no imaginário humano desde os primórdios. Nosso respeito a esse ser, a essa entidade, bate lá no cerebelo. 
Vem de tempos distantes, e dá pra sentir! É uma droga maravilhosa! Dilatadora de pupilas!
Nosso instinto é nossa garantia de vida, de intuir o limite.
Nós não combinamos nada, na borda do barco foi olho no olho e a certeza de que era um pelo outro. 
A segurança era nossa cautela. Normalmente, na água, dois contra um, o animal não atacaria.  
A principio não. Um Ser deste tamanho só ficou enorme por precaução; sábias decisões tomadas ao longo da vida;  um alto índice de sucesso e muitos botes certeiros.






 A trilogia deste projeto sobre o Pantanal, produzido pela Bossa Nova Filmes para a National Geographic Internacional tem Direção de Lygia Barbosa e Lawrence Wahba, direção de produção de Luba Agostino, fotografia do próprio Wahba, eu que vos falo, Cristian Dimitrius, Evandro Fontana, Haroldo Palo Jr e mais uma porrada de gente boa, Elisa Chalfon e toda a equipe Bossa Nova / Fox, que aos poucos vou completando na lista.